Desejar-me mim comigo


Na cama
Na lama
Não fala
Se cala
Me vira
Respira
Engana
Me ama
Me pinta
Não minta
Me borda
Acorda.

(João Diniz)

.
.
.

3 comentários:

Nannda disse...

Muito lindo .-.

Carlos Alberto Moreno disse...

gostei daqui, gostei de conhecer os seus poemas, de te conhecer um pouco mais, de matar as saudades

amigo velho
abração.

João Diniz disse...

O grande Carlos, adoro seus poemas e poesias. espero q em breve nos encontremos